Das primeiras e mais fáceis formas de poupar dinheiro durante as tuas férias é, sem dúvida, fazer um seguro de viagem Iati; no nosso site podes descobrir qual o que mais se adequa às tuas necessidades. Contudo, para além desta existem outras formas de economizar mesmo sendo um viajante responsável, aqui ficam algumas dicas

Viajar de forma consciente e ainda poupar dinheiro? A Iati diz-te como!

Garrafa de água e recipiente para comida

mulher a usar garrafa de aluminio

Imagina que gastas 0.50€ por cada garrafa de água e que necessitas de duas por dia durante as tuas viagens; ao fim de 8 dias gastas o necessário para comprar uma garrafa reutilizável (ou ainda em menos dependendo do preço).

Na maioria das cidades europeias, a água canalizada é considerada própria para consumo, por isso teres uma garrafa sempre à mão vai evitar que tenhas de comprar água plastificada e poupes bastantes euros. Milhares de garrafas descartáveis são utilizadas diariamente e apenas 11% são recicladas, imaginam para onde vão as restantes, certo?

Fora da Europa, mesmo em países onde a água não é própria para consumo, existem garrafões gigantes que a própria população utiliza (opção muito mais barata do que comprar garrafas). Para além da garrafa, podes trazer para a tua viagem uma caixinha para a comida: muitas vezes as quantidades do jantar são enormes e acabas por ficar com almoço, poupas tempo no dia seguinte, dinheiro e ainda combates o desperdício de comida!

Copo menstrual

usar copo menstrual durante uma viagemUma mulher utiliza, em média, cerca de 10000 tampões ao longo da sua vida, dos quais 0 são recicláveis e quase nenhuns gratuitos. Fazendo contas, imaginas a quantidade de tampões que ainda estão à deriva no mar, os químicos a que as pessoas se sujeitam e a quantidade de dinheiro gasto até hoje?

Esta dica é económica, prática, saudável e muito mais sustentável em termos ambientais. Para além disso não precisas de te preocupar com nada durante 12h: seja visitar aquele templo longínquo, fazer mergulho ou descobrir os cantos à maior cidade europeia, livre de stress e preocupações. Escrevemos um artigo sobre como viajar com o copo menstrual que de certeza te vai interessar!

Mercados de comida

mercado noturno tradicional gianyar

É mais que sabido que a melhor e mais típica comida que podes encontrar num lugar é num mercado de rua. Desde Shoreditch em Londres, aos mercados de Chiang Mai na Tailândia, todos têm em comum a autenticidade dos sabores locais e o preço económico.

Podes não encontrar o mesmo requinte que um restaurante com vista para o rio ou a mesma variedade no menu de vinhos: mas ganhas mais. Podes, inclusivamente, sentar-te no jardim a desfrutar da tua refeição (que até pode ter vista para o rio) e podes conhecer diretamente a família que participou na vindima daquele vinho, por exemplo.

O que queremos com isto dizer é que estás mais próximo dos produtores locais e por isso podes envolver-te mais na cultura local ao mesmo tempo que poupas dinheiro.

Comida vegetariana

Os pratos vegetarianos são, muitas vezes, mais económicos que outros com carne ou peixe. Em países como a Indonésia ou Vietname, podes conseguir facilmente um prato cheio de vegetais e arroz por apenas 0.80€. Cada vez mais se fala na importância na redução do consumo de carne para ajudar o futuro do planeta, neste caso a carteira também agradece.

Transportes públicos

transporte publico em sofia

Se é verdade que tuk-tuks e táxis são meios de transporte super típicos em alguns países, também é verdade que a demasiada procura deste tipo de deslocação nada ajuda à poluição e trânsito existentes nas grandes cidades.

De forma a combateres o engarrafamento das tuas avenidas preferidas e ficares a conheceres as rotinas dos locais, recomendamos o uso e abuso de transportes públicos ou mesmo bicicletas.

Em algumas cidades asiáticas o preço do bilhete ronda os 0.20€ e a bicicleta por um dia inteiro 1€, assim que não há mesmo desculpa para não poupares uns trocos e ainda contribuíres para uma cidade mais verde.

Conteúdo Relacionado