Viajar com amigos pode ser incrível, mas também pode ser uma grande dor de cabeça. Em muitos casos, até pode ser os dois! E porquê?

Se vais viajar com amigos, certamente estás super entusiasmado/a. Provavelmente já se conhecem há bastante tempo, partilham o mesmo gosto pelas viagens e até têm alguns interesses em comum. Até aqui, está tudo bem. No momento em que começam a planear a viagem há alguma discordância em determinados aspetos, mas concordância noutros, como o seguro de saúde internacional da IATI. Mas a cedência faz parte do processo e conseguem delinear o vosso plano com sucesso.

grupo de amigos de costas em frente a praia

Dicas para viajares com amigos

Chega o dia da viagem e está tudo pronto para viver a grande aventura. Afinal de contas, viajar permite-te conhecer novos lugares, ter experiências únicas e aprender mais sobre o mundo, sobre ti mesmo e sobre a/as pessoa/as com quem estás. Dizem que é nestes momentos que ficas a conhecer o melhor e o pior dos teus amigos. Estão fora da vossa zona de conforto e isso faz com que se tenham de adaptar rapidamente a um novo estilo de vida e a uma nova cultura. Os traços mais fortes das personalidades de cada um começam a saltar à vista, as opiniões divergem e entra a desarmonia.

Hoje damos-te 4 dicas para lidares com momentos como este que podem (ou não) surgir durante uma viagem com amigos.

É importante estarem todos na mesma página

rapariga de costas com mao dada ao namorado que tira foto

Esta é a chave; é das coisas mais importantes a definir no pré-viagem e a manter durante a viagem. Antes de tomarem quaisquer decisões, falem entre vocês para perceberem o que é que cada um espera da viagem: do que é que gosta, o que é que quer fazer, até onde é que está disposto a ceder e o que fazer perante determinada situação.

A pergunta “como é que gostas de viajar?” é crucial. Imagina que um de vocês prefere dormir em hostels, o outro couchsurfing (descobre como arrasar no couchsurfing!) e outro prefere AirBnB. Ou até mesmo relativamente a meios de transporte: um prefere transportes públicos, outro Uber e o outro diz que se não andamos a pé pela cidade nunca a vamos conhecer verdadeiramente. Estas questões não estão apenas relacionadas com preferências, mas também o budget em si. É importante definirem o orçamento geral em conjunto para estarem em sintonia.

Este é o tipo de coisas sobre as quais se devem debruçar antes de se lançarem à aventura. No fundo, devem conhecer-se bem para saberem o que esperar de cada um e evitar discordâncias que, à partida, podiam ter sido evitadas.

Amigo não empata amigo

tres amigos chateados num bar com cervejas

O facto de estarem todos na mesma página, não quer dizer que tenham de fazer as mesmas coisas e de passar 24/7 juntos. Amigo não empata amigo, como se costuma dizer em bom português. Viajar juntos não significa estar juntos a toda a hora. Se queres muito fazer uma coisa e o resto do grupo quiser fazer outra, vai na mesma! Não vão deixar de ser amigos por isso, nem a viagem vai perder o significado inicial de “viagem de amigos”. Nem sempre têm de estar de acordo com as atividades e não há mal nenhum com isso.

Não há problema em querer estar sozinho

mulher desfruta sozinha sentada na praia

Fazer uma viagem com amigos pode ser algo muito intenso, especialmente se for de longa duração. Acabam por passar muito tempo juntos, muito mais do que costumam passar num dia normal no vosso país. Por isso, não estranhes se alguém do teu grupo ou a pessoa com quem estás a viajar quiser algum tempo para ele/ela próprio/a. Ás vezes é importante respirar e passarmos tempo connosco próprios para assimilar tudo aquilo pelo que estamos a viver.

Leva um livro contigo, prepara uma playlist ou sai a andar pela cidade. Vai fazer-te bem! E acredita: não há mesmo problema em querer estar sozinho.

Procura ser flexível

duas amigas com um mapa decidem para onde ir

Embora os vossos gostos e opiniões possam divergir, é importante tentares ser flexível durante a viagem. Grande parte das decisões vão ser tomadas em grupo, por isso tenta ser descontraído, ouve as ideias de todos e lembra-te: go with the flow!

Divirtam-se!

grupo de amigos a beber cerveja na praia

O objetivo de viajar com amigos é divertir-se. Se tiverem desavenças, procurem resolvê-las o mais depressa possível. Como se costuma dizer em inglês “choose your battles”; há coisas pelas quais não vale a pena chatear-se ou deixar que nos salte a tampa.

Uma viagem com amigos pode ser das mais divertidas de sempre. O importante é manter a calma, ser flexível, abstrair-se de pequenos problemas, ter mente aberta e uma boa comunicação entre todos.

Autor: Gap Year Portugal

Conteúdo Relacionado